quarta-feira, 4 de agosto de 2010

7 exemplos que é possível o surgimento de novos talentos na literatura brasileira

1 – André Vianco: Sabe um cara que acredita num sonho e vai atrás. Este é André Vianco, um dos autores mais vendidos no Brasil, mas que começou bancando com seu FGTS a publicação de seu primeiro livro. E suas histórias de vampiros [Que não viram purpurina na luz] já venderam mais de 700.000 exemplares e conquistam cada dia novos leitores. Os Sete, seu romance de estréia, o mesmo do FGTS já vendeu mais de 50.000 cópias, algo que muitos podiam pensar como impossível. André não sabia disso, foi lá e fez [E me desculpem este último clichê];

2 – Raphael Draccon: O cara é ainda muito novo. O que não o impediu de ganhar prêmios como roteirista, e mais além, ser o autor mais jovem a ter contrato assinado com um dos maiores selos editoriais do mundo, a espanhola, Planeta do Brasil, aos 25 anos. A releitura de personagens dos contos de fada já está prestes a ter o terceiro livro publicado através da Leya, outra gigante do mercado editorial, com as histórias de Nova Éter, a Terra Média do universo de Dragões de Éter;

3 – Eduardo Sphor: O novo fenômeno pop da literatura brasileira mostra os grandes talentos literários que estão nascendo e reforça a importância do “nerdpower”. Seu romance de estréia, A batalha do apocalipse, da queda dos anjos ao crepúsculo do mundo, depois de vender 4.500 exemplares em redes sociais e no mundo nerd, levou o escritor assinar contrato com o selo Verus do grupo editorial Record, e já está na listas dos mais vendidos da revista Veja pelejando com autores como Rick Riordan e Stephenie Meyer;

4 – Editora Novo Século: Foi uma das pioneiras a mergulhar atrás de novos talentos, e cabe a Novo Século as glórias de revelar o próprio Vianco, Jorge Tavares, entre outros... Mantêm o selo Novos Talentos da Literatura Brasileira, com exigentes critérios de publicação, mesmo que os autores do selo tenham de auxiliar com a garantia de compra de parte dos exemplares. A grande vantagem, porém aos iniciantes é uma tiragem maior, e a distribuição nas principais livrarias do país;

5 – Daniel Galera: O autor é um colecionador de boas críticas, e foi um dos precursores no uso da internet para literatura, publicando e editando textos em portais e fanzines eletrônicos entre 1997 e 2001. Além disso, também é tradutor com mais de 13 títulos traduzidos;

6 – Editora Multifoco: A editora que nasceu como monografia acadêmica é um dos fatos mais inovadores no mercado editorial brasileiro. Sob seu próprio risco a Multifoco publica novos autores cobrindo todas as etapas da publicação, da seleção, a diagramação e impressão, que graças a tiragens menores permite essa modalidade, cujo objetivo é de lançar mais de 300 novos escritores no mercado editorial;

7 – Leandro Reis: Dono de um dos textos mais sombrios da nova geração de escritores nacionais, Filhos de Galagah fez grande sucesso, e Leandro já está no segundo livro do Legado de Goldshine, o Senhor das Sombras. Um dos diferenciais do escritor é toda a estruturação de sua obra com complementos através de contos e mapas, que disponibiliza aos leitores na internet, transformando estas mídias num apêndice do livro;


****

5 comentários:

  1. Gostei muitíssimo do post! Dos autores citados só não conheço o Daniel Galera, mas acredito que se está nessa lista com outros autores tão bons, deve ser do mesmo nível! :)

    ResponderExcluir
  2. Número de vendas não significa qualidade. Se assim fosse, Paulo Coelho seria o maior escritor brasileiro e Dan Brown o melhor do mundo.

    Não conheço os outros autores, mas se estão ao lado de André Vianco como "talentos da literatura brasileira", não podem ser considerados sequer autores medianos.

    De tanto falarem nesse cara, comprei o livro O Senhor da Chuva e me arrependi amargamente. Nunca em toda minha vida, e contando aí os livros infantis que li quando criança, vi um livro tão imbecil. Quer dizer, agora já saiu o Crepúsculo, que de tão ruim quase arranquei meus olhos, mas me refiro à época em que li O Senhor da Chuva.
    Aquilo é praticamente uma colcha de retalhos, um Frankenstein, onde parece que ele simplesmente juntou de todo e qualquer tipo de clichê sobre vampiros e, acredite se quiser, religião, bateu no liquidificador e publicou. E o pior: tem gente que tem coragem de chamar aquilo de genial!

    Enfim, pra quem acha que Dan Brown e Paulo Coelho são bons escritores, André Vianco é uma boa pedida. Caso contrário, passe bem longe.

    ResponderExcluir
  3. Bruno, Listas realmente serão sempre complexas,e gosto é gosto não se discute. No entanto num país em que a média de leitura é de pouco mais de 4 livros por ano, caras como Vianco e os demais que estão na lista conseguirem um lugar ao sol, com certeza não é por acaso.

    Infelizmente no Brasil se considera apenas talentosos escritores que se utilizam de linguagens que a maioria da população as vezes não compreende, e que adoram palavras muitas vezes escondidadas no dicionário.

    No entanto é o talento desses caras, escrevendo de uma maneira que atrai e convida para a leitura o grande publico, que a literatura nacional passa por um excelente momento..

    ResponderExcluir
  4. Boa Douglas! Lê-se muito pouco no Brasil e qualquer leitura (isso mesmo: QUALQUER LEITURA) é válida.

    A qualidade do que se lê depende unica e exclusivamente do leitor. Já li vários clássicos mundiais e outros que ninguém nunca ouviu falar e não sei dizer qual é melhor.

    É óbvio que vender tanto no Brasil é um feito e merece ser louvado! Ser Escritor no Brasil é ser herói da resistência!

    Se você lê muito, sua leitura pede mais: mais consistência, mais vocabulário, mais envolvimento, etc. De algum lugar se parte.

    ResponderExcluir

Informe:





As imagens utilizadas no blog foram encontradas na web. Caso você seja dententor de seus direitos autorais, e não deseja vê-la no blog, comunicar através do e-mail de contato, que as retiraremos do ar.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | cna certification